Pesquisar

Formulário de procura

 

Sonhos lúcidos: o que são e como obtê-los

Você está voando sobre as nuvens, encantado com o azul do céu e com a brisa do vento que bate no seu rosto. Lá em baixo, você vê a sua cidade e pessoas tão pequenas que chegam a parecer formigas… mas é claro que toda esta situação faz parte de um sonho, afinal qualquer um tem consciência que as pessoas não podem voar, não é mesmo? Entretanto, o que nem todos sabem é que a sensação de voar e sentir a liberdade da cena descrita é, na verdade, parte de um sonho lúcido.

O termo “sonho lúcido” é utilizado para descrever todo evento onírico no qual o sonhador permanece atento ao fato de estar apenas sonhando. A fim de comprovar a existência deste fenômeno, o psicofisiologista Stephen LaBerge, um dos maiores especialistas sobre o assunto no mundo, desenvolveu, no ano de 2000, uma série de estudos na Universidade Stanford (EUA). Uma das descobertas foi que este tipo de sonho ocorre apenas durante a fase REM – Rapid Eye Movement – em português “Movimentos Rápidos dos Olhos” , ou seja, no quinto estágio do sono.

Ao observar os voluntários da pesquisa, LaBerge descobriu também que os sonhadores – durante a ocorrência de sonhos lúcidos – eram capazes de repetir certos padrões de movimentos dos olhos combinados de antemão. Assim, a pesquisa revelou queos “onironautas”, outro termo criado pelo psicofisiologista, eram totalmente capazes de influenciar as cenas presentes nos seus sonhos.

De acordo com Stephen LaBerge, o estudo dos sonhos lúcidos pode ajudar a ciência no desenvolvimento de uma cura para os pesadelos recorrentes causados por traumas psicológicos, além de contribuir com novas técnicas para o tratamento de transtornos mentais como a esquizofrenia.

Adormecido, porém desperto

Será que os sonhos lúcidos são privilégio de somente alguns sonhadores? A ciência nega. Segundo os cientistas, existem diversas técnicas simples pelas quais qualquer pessoa pode assumir o controle dos sonhos.

Uma das principais técnicas de indução ao sonho lúcido é o método CAT – Cycle Adjustment Technique – em português “Técnica de Ajuste de Ciclo”. Criada pelo onirologista britânico Daniel Love, com o método CAT, a mente acaba sendo induzida a acreditar que o indivíduo está desperto, o que acaba por gerar um ambiente propício para o desenvolvimento de sonhos lúcidos. Este método se resume a dois passos extremamente simples:

  1. Deve-se ajustar o despertador para que soe 90 minutos antes da hora usual do despertar. Este procedimento tem a finalidade de reajustar o relógio biológico do sonhador, e deve ser repetido diariamente durante pelo menos uma semana.
  2. A partir do oitavo dia, deve-se começar a alternar os horários de despertar: num dia, acordar mais cedo, no outro dia, acordar no horário normal, assim sucessivamente, dia sim, dia não.

Estou sonhando, e daí?

Não basta apenas sonhar, é preciso controlar o sonho. Uma das principais técnicas para saber se está ou não sonhando se resume a fazer constantes Reality Checks – em português “Checagens de Realidade”. Para que esta técnica aconteça, o sonhador deve verificar se existe algo fora do normal acontecendo à sua volta, como por exemplo:

  1. Olhar para uma página escrita e não visualizar as palavras, pois o texto está em constante movimento;
  2. Perceber que existem objetos ou pessoas voando;
  3. Sentir a presença de monstros, seres incomuns ou até mesmo personagens fictícios;  
  4. Andar nu pelas ruas sem que ninguém dê grande importância ao fato;  
  5. Perceber que existem partes de seu corpo faltando ou sobrando;
  6. Olhar para o espelho e ver outra pessoa no reflexo.

È importante salientar que estas “checagens” devem ser realizadas durante as horas de vigília, que é o momento oportuno para a mente se acostumar a elas, integrando-as no contexto dos sonhos.

Registrar os sonhos em um diário

Lúcidos ou não, a lembrança dos sonhos costumam desaparecer rapidamente algumas horas após o despertar. Para que seja possível lembrar aquilo que foi sonhado, recomenda-se que registre em um Diário de Sonhos o que tem vindo a sonhar.

O diário pode ser um simples caderno, o qual deve permanecer sempre ao lado da cama. É necessário que, ao despertar, o sonhador registre rapidamente os detalhes do conteúdo sonhado, antes que as memórias comecem a se dissipar.
O Sonhar Com possui uma excelente ferramenta para registrar os conteúdos sonhados. No Diário dos Sonhos é possível relatar e guardar as lembranças do que tem vindo a sonhar e também atribuir palavras-chaves ao sonho para, posteriormente, procurá-lo através do calendário e avaliar os seus significados.

Gostou deste artigo?: